Programas de Afiliados – Cuidado, Você Pode Estar Sendo Lesado

Esse artigo foi escrito pelo Arthurius Maximus do Visão Panorâmica para a Edição 5 da Revista Blogosfera.

Ligue para a redação da Revista Veja e peça para anunciar o seu blog. Diga-lhes que a cada nova assinatura em seu FEED, conseguida através do anúncio, você remunerará a revista com “X” reais. Agora, repita a operação com todas as grandes e pequenas revistas do país e não se esqueça de escolher também os jornais de grande circulação.

Você acha que terá sucesso em sua proposta “revolucionária”?

Certamente você nem vai tentar um absurdo destes porque sabe que “vai bater com a cara na porta”, não é mesmo? Afinal de contas, nenhuma empresa de comunicação séria vai te ceder um espaço publicitário sem que você pague por isso, pois é através da venda de publicidade que elas pagam suas contas. Aliás, exatamente como deveria ser conosco.

Mas, ao contrário das empresas de comunicação que cobram muito caro para expor a marca de quem deseja anunciar em seus veículos, nós fazemos justamente o contrário. Damos de bom grado espaços publicitários importantes, que poderiam se converter em um bom faturamento, para que empresas milionárias exponham suas marcas e produtos. Não satisfeitos, na grande maioria das vezes (se não na totalidade), cedemos esses espaços mediante o pagamento de míseras comissões sobre vendas.

Estes são os famosos “Programas de Afiliados”.

A maioria esmagadora desses programas de afiliados são baseados no “famoso” CPA – Custo Por Ação – nesse sistema, como é descrito acima, para que uma renda seja gerada, o banner em seu blog precisa ser clicado e o seu leitor tem que executar uma ação no site destino (normalmente uma compra ou um cadastro); só então a empresa paga a você a comissão contratada. Na teoria é tudo lindo. O leitor entra no seu blog, clica no banner e se encanta com o produto ou serviço oferecido no site de destino e faz uma compra ou firma um cadastro qualquer; fazendo com que você embolse um valor “Y”.

Só que, na prática, a coisa não é bem assim. Muitos desses programas de afiliados se constituem em meras propagandas gratuitas ou pifiamente remuneradas (a grande maioria) de empresas poderosas e cheias de espertalhões. Para “facilitar a coisa para você” algumas empresas programam o cookie gerado pelo navegador do seu leitor (cookie é um grupo de dados trocados entre o navegador e o servidor, que gera um arquivo no computador do utilizador para identificar de qual filiado aquele internauta veio) para ser válido por algumas horas apenas.

Quer continuar lendo esse artigo? Então faça o download da Edição 5 da Revista Blogosfera, é inteiramente grátis.

Aprenda a fazer MUITAS vendas no Hotmart, todos os dias, sem investir em anúncios pagos

Autor Convidado

Confira no primeiro parágrafo as informações relativas ao autor desse artigo.

Website: http://revistablogosfera.com.br/

5 Comentários

  1. Dessa forma é tenso, você saberia dizer se com o Hotmart eu posso ter essa dor de cabeça do cookie durar poucas horas igual você fala no seu post?

    Estou pensando em trocar todos tipos de propagandas que tenho por um esquema de infoprodutos.

    Se tiver algum post aqui que tenha dicas de afiliados me mande por e-mail.

    Obrigado por enquanto.

    Sucesso.

  2. Na verdade nunca recebi nada. isso é furada, o Google nunca me reembolsou os valor a que eu tinha direito. Vou parar de exibir anúncios.

    Valeu o post

  3. Já entrei em muitos desconhecidos e fui testar de teimoso e quando batia o valor cada que recebia e logo começava a correr para outros até cair a ficha de qual deveria trabalhar e não teria problemas.

  4. É uma questao complicada, o que ocorre é que alguns nichos não rentabilizam com o adsense por exemplo, e o blogueiro se ve sem opcao, no caso de livros, 8% eu acho uma comissao bem justa sim, tem vendedor em loja trabalhando 8 horas em pé que não ganha isso.Mas eu particularmente acho que o justo seria um cpm fixo,q é pela exibicao dos banners e a comissao por vendas.Ja tive um blog no blogspot q tinha media de 600 diarias que fiz 240 reais em um mes, jamais conseguiria isso no adsense, pois era do genero de humor e bobeiras, e nenhum anunciante investiria 240 reais em um banner nele…

    • Complicado essas situações, com suas dicas vou ficar ainda mais ligado para não cometer nenhuma besteira e desperdiçar tempo e dinheiro…. obrigado pelas dicas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *